ASSISTA O VÍDEO E ESCUTE SEU CORAÇÃO (:
Cantar na dor
A vida é bela
Durma em paz
O mundo precisa de amor
Amigo velho
Só entende do amor
A vida é desafio
12 passos
Aqui agora
Clareou (Deus é maior)
Elevo o pensamento
Era Deus ali comigo
Muita calma nessa hora
Janela aberta
O que vivemos
Oração de São Francisco
Principalmente Saúde
Problemática da vida
Quem souber
Quero
Recomece
Sempre Aqui
Tarde livre
Talismã sem par
Telegrama
That’s my way
Voltei
Brilho Azul
Crença
Eu Vou Gritar
Oração da Confiança
Sernambetiba
Luci Sacoleira
Luci Sacoleira
@lucisacoleira
Juliana Araripe
Juliana Araripe
Bird Soul
Bird Soul
Mano Alencar
Mano Alencar
Max Uchoa
Max Uchoa
Mino
Mino
Nódoa
Nódoa
Quadrin
Quadrin
@quadrinposters
Rian Fontenele
Rian Fontenele
Valber Benevides
Valber Benevides
Totonho Laprovitera
Totonho Laprovitera
Finalidades da Musicoterapia
A Musicoterapia objetiva possibilitar o empoderamento e a participação social. Bem como, desenvolver potenciais e/ou restabelecer funções do indivíduo para que ele/ela possa alcançar uma melhor integração intra e/ou interpessoal e, consequentemente, uma melhor qualidade de vida, pela promoção da saúde, prevenção, reabilitação ou tratamento (UBAM, 2016).
O que é Musicoterapia
Musicoterapia é a utilização da música e/ou seus elementos (som, ritmo, melodia e harmonia), em grupo ou de forma individualizada, num processo para facilitar, e promover a comunicação, relação, aprendizagem, mobilização, expressão, organização e outros objetivos terapêuticos relevantes, no sentido de alcançar necessidades físicas, emocionais, mentais, sociais e cognitivas.
Finalidades da Musicoterapia
A Musicoterapia objetiva possibilitar o empoderamento e a participação social. Bem como, desenvolver potenciais e/ou restabelecer funções do indivíduo para que ele/ela possa alcançar uma melhor integração intra e/ou interpessoal e, consequentemente, uma melhor qualidade de vida, pela promoção da saúde, prevenção, reabilitação ou tratamento (UBAM, 2016).
Atuação do Musicoterapeuta
O Musicoterapeuta atua em diversas áreas que exigem uma formação especializada e, ao mesmo tempo, interdisciplinar, necessitando preparo específico para utilizar a música como terapia. Essa formação ampla é necessária, pois a Musicoterapia atua de forma integral, favorecendo o desenvolvimento criativo, emocional e afetivo e, fisicamente, ativa o tato e a audição, a respiração, a circulação e os reflexos. Ela pode ser utilizada no tratamento a pessoas com transtornos neurológicos (Parkinson, Alzheimer, Síndrome de Down), com distúrbios da linguagem, dificuldades visuais e auditivas, motoras, intelectuais, mentais e sociais. Contribui para a reabilitação de pessoas com agravos físicos provenientes de adoecimento crônico e/ou traumas diversos, bem como na reabilitação psicossocial de pessoas em sofrimento psíquico. Também pode potencializar outros tratamentos, podendo ser utilizada de forma associada a outras práticas integrativas para amenizar a ansiedade, a insônia, o estresse e a dor crônica.
Profissional Musicoterapeuta
O Musicoterapeuta está inscrito no Código Brasileiro de Ocupações pelo número 2263-05. Para o exercício dessa ocupação, é exigida, impreterivelmente, graduação ou especialização na área. Os cursos de graduação e especialização são oferecidos por instituições públicas ou particulares reconhecidas pelo MEC.
Órgãos de Representação da Categoria
A União Brasileira de Associações de Musicoterapia – UBAM é o órgão máximo de representação nacional da categoria. Junto a ela estão vinculadas e associadas as entidades estaduais que filiam o profissional Musicoterapeuta. No Ceará a Associação de Musicoterapia do Ceará AMTCE é o órgão representativo local. Hoje contamos com 13 (treze) Associações Estaduais de Musicoterapia nos seguintes territórios: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Bahia, Ceará, Piauí, Pernambuco, Pará, Goiânia e Distrito Federal.
Quer Saber Mais?
Entre em contato conosco pelo email: contato.amtce@gmail.com
×